Aliciamento a jogador faz NBA multar Los Angeles Lakers em R$ 1,5 milhão

Tradicional time foi acusado de agir irregularmente com Paul George, atualmente no Oklahoma City Thunder

Relacionadas

A NBA divulgou nesta quinta-feira a decisão de multar em US$ 500 mil (R$ 1,57 milhão) o Los Angeles Lakers, ao considerar que a franquia, atualmente dirigida por Magic Johnson, tentou contratar irregularmente o ala-armador Paul George, agora no Oklahoma City Thunder.

Segundo a direção da liga, foram violadas regras contra aliciamento de jogadores. Além da punição financeira, foi divulgado um texto de repreensão a equipe, assinada pelas outras participantes da competições. O comunicado aponta a tentativa do time de contratar George como "lamentável", além de prejudicial para a imagem da NBA.

Segundo a investigação aberta pela liga, uma das mais tradicionais franquias entrou em contato de maneira ilegal com representantes de George, enquanto o ala-armador ainda estava sob contrato com os Pacers, que, posteriormente, o trocou com o Thunder por Victor Oladipo e Domantas Sabonis.

O novo gerente-geral dos Lakers, Rob Pelinka, também por meio de comunicado, não questionou a decisão e se desculpou pela tentativa de acertar com o jogador. "Respeitamos e aceitamos a decisão. Desejo expressar nosso arrependimento, tanto aos fãs, como à toda NBA, pelo desafortunado incidente", afirmou o dirigente.

As demais franquias da liga, no entanto, não ficaram satisfeitas apenas com a multa e a repreensão, já que gostariam que os Lakers perdessem algum direito de seleção em draft futuro ou ficassem proibidos de contratar George, quando o jogador se tornar agente livre, em meados do ano que vem.

MAIS SOBRE:

Basquete NBA Los Angeles Lakers Oklahoma City Thunder Magic Johnson basquete
Comentários