Boxeador é acusado de agredir apresentadora de televisão na Inglaterra

Tommy Jenkins teria assediado sexualmente amiga de Josie Gibson antes das agressões

Josie Gibson, ex-participante do Big Brother na Inglaterra e atualmente apresentadora de televisão no Channel 5, gravou e postou diversos vídeos no Instagram acusando o boxeador amador Tommy Jenkins de agredi-la, assim como a Demi Victoria, uma amiga que a acompanhava.

+ Surfista brasileira é atacada por tubarão no Havaí; veja imagens 

+ UFC bane fotógrafo da equipe de Holm que chamou Cyborg de homem

+ Mike Tyson investe na produção de maconha na Califórnia

+ Gabi Garcia se ajoelha e chora após ficar 12,7kg acima do peso; assista

Segundo Gibson, o lutador começou a bater nelas depois que pediram para que ele descesse do táxi onde estavam, após uma tentativa de assédio sexual de Jenkins a Victoria.

"Tommy Jenkins, um boxeador e uma grande vergonha para a comunidade de boxe, decidiu que continuaria a socar minha amiga Demi no rosto várias vezes quando lhe dissemos para sair do nosso táxi", afirmou Josie, que disse também no vídeo que gravou para responder as acusações de que seria uma mentirosa.

Jenkins já foi preso anteriormente por se envolver em confusão. Em fevereiro de 2016, o boxeador socou outro homem quatro vezes em um bar, levando-o a ficar inconsciente. A briga se generalizou e só terminou com a chegada da polícia, que levou Jenkins e dois amigos para a cadeia, onde o lutador ficou preso por oito meses.

Os vídeos da apresentadora (em inglês):

MAIS SOBRE:

futebol Agressão violência contra a mulher
Comentários