Carille abre portas para rivais: 'Não sou eterno no Corinthians'

Treinador alvinegro não descarta a possibilidade de um dia assumir a equipe do Palmeiras ou do São Paulo

Relacionadas

Comandante de um time campeão na temporada de 2017, o técnico Fábio Carille garantiu os títulos do Campeonato Paulista e Brasileiro com o elenco do Corinthians. Mesmo após a boa fase e o reconhecimento da torcida alvinegra, ele não descarta a possibilidade de um dia assumir uma equipe rival.

+ Site vaza prováveis novas camisas de Barcelona e Paris Saint-Germain

+ Volante da Roma gera polêmica ao celebrar ano novo fumando e bebendo

+ Após passar réveillon juntos, Neymar se declara para Bruna Marquezine

Durante entrevista ao programa Bolívia Talk Show, do canal Desimpedidos, Carille foi questionado se aceitaria assumir o Palmeiras e o São Paulo. "Não sou eterno no Corinthians. Dependemos muito de resultado. Tudo que aconteceu em 2017 fortalece para que as pessoas acreditem mais ainda no trabalho, mas sei que um dia vou sair e não vejo problema nenhum em trabalhar em outra equipe. Eu tenho que trabalhar", respondeu o técnico.

Carille ainda foi falou sobre Rogério Ceni e Marcos, afirmando que são situações diferentes. O técnico do Corinthians não acredita que um dia o atual treinador do Fortaleza aceite trabalhar em outro time paulista que não seja o São Paulo. Opinião diferente para o ídolo do Palmeiras, caso ele fosse técnico. 

"Pela identificação dele (Rogério Ceni) com o São Paulo, eu não acredito. Acho que o início já ia ser de muita confusão. A imprensa falando demais. Acho muito difícil o Rogério trabalhar em outra equipe aqui de São Paulo. O Marcos, ex-goleiro do Palmeiras, eu já vejo diferente. Se fosse técnico, poderia trabalhar em outros clubes. É mais carismático", finalizou.

Veja a entrevista completa:

MAIS SOBRE:

futebol Palmeiras São Paulo Futebol Clube Fábio Carille
Comentários