Dono do Everton garante que Lukaku deixou a equipe por causa de 'voodoo'

Atacante belga, que saiu do time no ano passado, não gostou nada da declaração e disse que vai processar iraniano

Um dos maiores acionistas do Everton, o milionário iraniano Farhad Moshiri, causou polêmica na Inglaterra ao ser questionado no encontro com os outros sócios da equipe sobre o porquê da saída do atacante belga Romelu Lukaku, uma das estrelas do time, rumo ao Manchester United.

Segundo o jornal britânico The Guardian, Moshiri disse que o belga não permaneceu no Everton porque foi enfeitiçado por 'voodoo'. Quem não gostou nada foi o próprio Lukaku, que veio a público algumas horas depois dizer que processaria Moshiri por causa das declarações.

Ex-Chelsea, técnico sofre acidente e anuncia saída do Rally Dakar

'Não é o que vocês estão pensando', diz Balotelli em vídeo no Instagram; veja

Adriano publica foto ao lado de Love e torcida pede a volta do 'Império do Amor'

Ao ser perguntado sobre o motivo da saída de Lukaku por um acionista, na assembleia do clube, Moshiri disse: "posso assegurar-lhe que tentamos tudo para mantê-lo. Se eu lhe disser o que lhe oferecemos, você não acreditaria". E continuou: "Ele (Lukaku) disse que estava em uma peregrinação na África ou em algum lugar e ele tinha um voodoo e recebeu uma mensagem de que ele precisa sair".

Depois disso, o belga teria recusado a oferta de 160 mil euros semanais (R$ 600 mil) e se acertado com o United.

OUTRO LADO

A veículos britânicos, um porta-voz do jogador justificou a decisão de mudança de equipe dizendo que o jogador "é católico" e que o fato "nada teve a ver com crenças".

"A decisão do Romelu não teve nada que ver com vodu. Ele repudia estas crenças e eestas afirmações e irá agora tomar medidas judiciais em relação a elas", disse o representante do jogador. "O Romelu é católico e o vodu não faz parte da sua vida nem das suas crenças. Ele simplesmente não acreditava no Everton nem tinha confiança no projeto do senhor Moshiri. Foi por isso que não quis assinar fosse quais fossem as condições".

MAIS SOBRE:

futebol Everton Romelu Lukaku Manchester United Football Club
Comentários