Ex-técnico do São Paulo perde aposta e tem cabelos raspados por mexicanos

Juan Carlos Osorio 'duvidou' que seus comandados vencessem dois jogos em sequência

Relacionadas

O técnico Juan Carlos Osorio ficou pouco tempo no São Paulo, mas seu trabalho, que se encerrou no segundo semestre de 2015, até hoje é lembrado e Rogério Ceni, atual comandante da equipe, costuma valorizar a passagem do colombiano pelo clube do Morumbi. Hoje no comando da seleção mexicana, ele continua obtendo um bom desempenho. Até por isso, foi vítima de um bullying de seus jogadores.

Antes das partidas contra Costa Rica e Trinidad e Tobago, pelas Eliminatórias da Concacaf para a Copa do Mundo, Osorio desafiou seus jogadores, principalmente o atacante Chicharito Hernández, grande destaque da equipe: se o México vencesse os dois jogos, o atacante do Bayer Leverkusen poderia raspar os seus cabelos.

Dito e feito: como o time venceu as duas partidas, por 2 a 0 e 1 a 0, respectivamente e segue tranquilo em sua caminhada rumo à Rússia, sede da próxima Copa, os jogadores mexicanos, ainda nos vestiários, fizeram uma grande festa para "pregar a peça" no treinador. Assista:

MAIS SOBRE:

Futebol Juan Carlos Osorio Rogério Ceni Morumbi Concacaf Copa do Mundo México Bayer Rússia Futebol
Comentários