Fluminense vai convidar 'vovô levado' para conhecer sede e ver taça

Orly Pimentel Ribeiro, de 83 anos, que "fugiu" e foi sozinho até o Engenhão acompanhar a final da Taça Guanabara, vai poder ver troféu conquistado pelo Flu na partida

Relacionadas

Depois de sair de casa escondido sem avisar a família para ir até o Engenhão para ver a final da Taça Guanabara - e ser descoberto por parentes em imagens de TV - o fanático torcedor do Fluminense Orly Pimentel Ribeiro, prestes a completar 84 anos, vai ganhar um presentão do clube.

O "vovô levado", como ficou conhecido na postagem feita pelo neto, que viralizou na internet, será agraciado com uma visita especial à sede do time, no bairro das Laranjeiras, Zona Sul do Rio, e também ao Museu do Fluminense. Lá, seu Orly poderá ver de pertinho a taça conquistada pelo Tricolor na partida que fugiu para acompanhar.

O neto, Roberto Ribeiro Freitas, conta que foi um susto quando viu seu avô na televisão. "Ele é aposentado, mas sai para vender doces e balas, porque não gosta de ficar em casa parado. No domingo, saiu sem falar onde ia e minha tia estava achando que ele tinha saído para vender os doces. Aí, quando ele apareceu na TV, foi uma surpresa geral". Foi a terceira vez que seu Orly foi a um estádio na vida - a primeira vez sozinho, diz o neto.

Segundo Freitas, o vovô está todo animado e "fica todo bobo quando alguém fala que o viu na TV". Agora, ele será levado para o passeio pela equipe do Flu Memória, projeto que cuida do museu do clube.

MAIS SOBRE:

futebol Fluminense
Comentários