Neymar dá chapéu e 'trolla' adversário na vitória do PSG; veja lances

Brasileiro não fez gols, mas teve participação fundamental na vitória suada por 3 a 2 sobre o Rennes

Neymar não marcou gols na suada vitória por 3 a 2 do PSG sobre o Rennes, que colocou o time do brasileiro na final da Copa da Liga Francesa, nesta terça-feira, 30. Ele teve boa participação na partida - ajudou a equipe a chegar em duas oportunidades - mas foram os lances diferentes que chamaram a atenção.

Bastante "caçado" em campo - Neymar sofreu seis faltas - o brasileiro, primeiramente, "trollou" um adversário que estava caído. Ele fingiu que ia dar a mão para ajudar meia Sarr, do Rennes, a se levantar, mas não o fez.

 

Neymar lamenta saída de Lucas do PSG e vê 'injustiça' com o amigo

Foto de premiação no skate provoca debate sobre machismo no esporte

Siga o Fera no Twitter!

 

Depois do jogo, Neymar comentou o assunto em entrevista, dizendo que apenas quis brincar.

"Eu costumo dizer que o futebol está chato, porque não podemos fazer nada. Tudo é polêmico. No final, eu fiz uma brincadeira dando a mão para o meu adversário e depois tirando. Todos farão polêmicas, dizer coisas sem sentido. Se eu faço isso com meus colegas, por que não com os adversários? Nos falamos muito durante o jogo, no final, eu ri", disse, em entrevista ao canal Esporte Interativo.

Já nos minutos finais, quando o PSG dominava a partida depois de estar vencendo por 3 a 0 e ter tomado o "susto", com o Rennes encostando nos 3 a 2, Neymar matou uma bola em suas costas e deu um lindo chapéu no meia Benjamin Bourigeaud:

 

 

Nos acréscimos, por ter chutado uma bola para longe, Neymar acabou recebendo um cartão amarelo. De quebra, ele ainda pegou um aviãozinho de papel jogado no gramado por um torcedor.

 

 

MAIS SOBRE:

futebol Neymar Paris Saint-Germain futebol
Comentários