Por Bieber e Mayweather, lateral holandês cai em golpe de quase R$ 15 mi

Gregory van der Wiel topou 'investir' em uma empresa de eventos na Turquia e se deu mal

Relacionadas

O futebol é um esporte que dá muito dinheiro aos atletas, mas por outro lado, por causa da exposição, pode trazer coisas extremamente ruins. É mais ou menos isso o que aconteceu com o lateral-direito holandês Gregory van der Wiel, do Fenerbahçe. Ele revelou nesta segunda-feira que foi vítima de um golpe em que perdeu cerca de US$ 4,5 milhões (R$ 14 milhões), conforme veiculou a emissora "A Haber".

À TV turca, Van der Wiel explicou que, pouco depois de desembarcar em Istambul, em julho de 2016, conheceu um homem que propôs "organizar uma empresa", aparentemente relacionada com esportes e entretenimento, embora não tenha tido detalhes dos negócios realizados. "Vim aqui tanto para jogar futebol como para fazer investimentos. Lamentavelmente, conheci uma pessoa com más intenções, que disse que iria trazer Justin Bieber, o boxeador Floyd (Mayweather). Com esses nomes, me enganou", revelou o holandês.

Segundo Van der Wiel, durante quatro meses ele recebeu pedidos de dinheiro do golpista, que apesar de juntar uma boa quantia, continuava cobrando o lateral. "Eu perguntei: 'O que está acontecendo com nossa empresa'. Ele respondeu: 'Se não me der outros R$ 600 mil, esqueça esse dinheiro. Estamos na Turquia e não poderá fazer nada", disse o atleta revelando as ameaças.

Apesar de toda a dor de cabeça, Van der Wiel explicou que o caso já está na justiça, e que espera recuperar o dinheiro perdido. "Isso se refletiu também na minha carreira de jogador", lamentou o holandês, que chegou ao Fenerbahce depois de uma passagem de pouco brilho pelo Paris Saint-Germain.

MAIS SOBRE:

Futebol Istambul Van Justin Bieber Turquia Paris Saint-Germain Futebol Dinheiro
Comentários