Seleção argentina vai usar Viagra para suportar altitude em jogo na Bolívia

Remédio para disfunção erétil dará forcinha extra para jogar a 3.600 metros de altitude

Relacionadas

Sildenafil. Essa substância de nome estranho, encontrada em remédios para a disfunção erétil, o mais conhecido deles o Viagra, dará uma forcinha para a Seleção Argentina na altitude de La Paz, na Bolívia, na partida contra a seleção local pelas eliminatórias.

Há uma explicação científica: a substância melhora a circulação sanguínea, o que provoca uma melhoria na oxigenação e, por consequência, dá mais fôlego aos jogadores.

Segundo o relato do portal ESPN, o San Lorenzo, campeão da Libertadores de 2014, utilizou sidenafil durante a campanha no torneio continental, coincidentemente treinado pelo técnico Edgardo Bauza, hoje à frente da Seleção Argentina. O River Plate foi outra equipe que também deu o medicamento para disfunção erétil aos jogadores em 2015.

Bauza preferiu não comenrar o assunto, para evitar piadas, quando questionado. A Argentina precisa da vitória para ficar mais perto da classificação à Copa.

MAIS SOBRE:

futebol San Lorenzo Libertadores Edgardo Bauza Futebol
Comentários