Daniel Cormier coloca cinturão em jogo contra Oezdemir no UFC 220

Duelo válido pelo título da categoria dos meio-pesado acontecerá em Boston no dia 20 de janeiro

 Duelo acontecerá dia 20 de janeiro (Foto: Reprodução/Twitter UFC)

Relacionadas

Agora é oficial. Acertado verbalmente há mais de um mês, o confronto entre o campeão Daniel Cormier e Volkan Oezdemir vai, de fato, acontecer. O Ultimate oficializou a disputa pelo cinturão dos meio-pesados para a atração principal do UFC 220, evento que acontecerá dia 20 da janeiro, em Boston (EUA).

O combate ficou ameaçado de não acontecer após o desafiante suíço ter problemas com a polícia, em virtude de uma briga em que se envolveu em um bar. A confusão extra-octógono, no entanto, não influenciou na escolha da organização.

Nocauteado por Jon Jones em julho deste ano, Cormier, de 38 anos, recuperou o cinturão dos meio-pesados após o algoz ser novamente flagrado em um exame antidoping, sendo automaticamente destituído do posto. Antes, DC havia conquistado o topo pela primeira vez em 2015, quando finalizou Anthony Johnson. Ele defendeu seu título contra Alexander Gustafsson, no UFC 192,  e novamente contra Johnson, no UFC 210, além de ter vencindo Anderson Silva em duelo que não valia o título, no UFC 200.

+Jornal afirma que Ronda Rousey está próxima de migrar para o WWE

+Sonnen provoca Fabrício Werdum e o desafia para luta de submission

+ Siga o Fera no Twitter!

Volkan Oezdemir, de 28 anos, teve ascensão meteórica no UFC. Ele chegou à organização em fevereiro deste ano, mas já soma três triunfos na casa. A estreia foi batendo por pontos Ovince St. Preux. Na sequência, dois nocautes relâmpagos sobre Misha Cirkunov, em maio, e Jimi Manuwa, em julho, somando míseros 70 segundos de atuação. Ao todo, são 15 vitórias e somente uma derrota em seu cartel profissional.

Até o momento, quatro brasileiros já estão escalados para o evento. Retornando após mais de dois anos de suspensão, o experiente peso leve Gleison Tibau enfrenta Islam Makhachev, Thomas Almeida mede forças com Rob Font nos galos, o mosca Alexandre Pantoja vai em busca da terceira vitória consecutiva contra Dustin Ortiz e Francimar Bodão busca recuperação contra Gian Villante, em duelo válido pela categoria dos meio-pesados.

 

MAIS SOBRE:

lutas UFC [Ultimate Fighting Championship] doping
Comentários