Jovem finge estar jogando videogame para transmitir ilegalmente luta do UFC

Usuário do Twitter simulou uma narração do combate entre Holloway e José Aldo para disponibilizar transmissão na rede social

Um usuário do Twitter abusou da criatividade para transmitir ilegalmente, pela rede social, o stream ao vivo da luta principal do UFC 218, neste fim de semana, vencida pelo norte-americano Max Holloway sobre o brasileiro José Aldo

O tuiteiro, conhecido como 'AJ Lester', simulou estar jogando videogame durante a luta - sua imagem aparecia em um quadro na transmissão do pay-per-view, como se o combate real fosse um jogo. Ele até chegou a narrar a luta, reclamando com os lutadores, como se eles fossem personagens do "game".

'Só no cheirinho': Internautas não perdoam derrota de Aldo no UFC 218

Cotovelada faz lutador de MMA se dobrar e quase completar cambalhota; veja

+ McGregor revela no tribunal quanto ganhou no combate contra Mayweather

O streaming foi considerado hilário por vários dos seguidores de Lester - mas as cerca de 2.000 pessoas que o seguiam no Twitter aumentaram para mais de 10.000 seguidores em questão de minutos. Apenas o link da transmissão alcançou 60.000 retuítes e mais de 130.000 likes.

Em entrevista ao portal EuroGamer, o tuiteiro informou que ninguém do UFC tinha entrado em contato com ele até esta segunda-feira - a transmissão de qualquer conteúdo sem autorização do Ultimate é considerada crime. 

Uma parte do stream ainda estava disponível até esta tarde, embora não possa ser vista no Brasil.

MAIS SOBRE:

lutas Twitter UFC [Ultimate Fighting Championship]
Comentários