Kvitova volta a treinar quatro meses após ter mão ferida com faca

Bicampeã de Wimbledon, tcheca voltou a bater bola depois de ter sido atacada por assaltante

Relacionadas

A tenista tcheca Petra Kvitova, bicampeã de Wimbledon, está de volta aos treinos, quatro meses depois de ter sido esfaqueada na mão por um assaltante que invadiu sua casa em Prostejov, na República Tcheca. Hoje, ela postou uma foto, em sua página oficial no Facebook, treinando, em Mônaco.

"Oi, gente, espera que esta foto alegre vocês como alegrou a mim", escreveu a tenista, que foi campeã de Wimbledon em 2011 e 2014 e medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos do Rio-2016. Ainda não há data definida para uma partida oficial.

O ataque causou ferimentos profundos em cinco dedos e dois nervos da mão esquerda, justamente a utilizada pela tenista, que é canhota, para jogar. No mesmo dia do assalto, 20 de dezembro, ela passou por uma longa cirurgia de reconstrução.

Confira o post: 

 

MAIS SOBRE:

tênis Petra Kvitova Wimbledon
Comentários