Rodrigo Baptista confirma título da Porsche GT3 Cup em Interlagos

Corrida agitou Interlagos antes dos carros da Fórmula 1 aceleraram no GP Brasil

Relacionadas

Normalmente o evento suporte do GP Brasil de F1 é uma das coqueluches da Porsche Império GT3 Cup, categoria que compartilha o palco com a principal competição do esporte a motor no planeta desde 2005. E o desempenho dos pilotos neste domingo, 12, de casa cheia em Interlagos mostrou que isso não é por acaso.

Miguel Paludo venceu e assegurou o vice-campeonato de sprint na Cup. Mas o título ficou com Rodrigo Baptista, que na véspera chegou em primeiro e garantiu pontos suficientes para colocar uma mão na taça. Depois de chegar em terceiro lugar neste domingo, o piloto pôde, enfim, comemorar o título. 

+Anitta canta hino nacional na F-1 e fala sobre relação com Hamilton

+Paraquedistas do Exército dão show antes do GP Brasil em Interlagos

+ Siga o Fera no Twitter

“Foi uma largada excelente, me surpreendi bastante em ver o Miguel Paludo do meu lado. Depois da Argentina, foi minha melhor largada. Optei por um acerto mais traseiro, o que fez eu perder um pouco de rendimento durante a corrida. Depois, consegui segurar o Ricardo Baptista. Foi bom. Estou ansioso para a próxima temporada.

A Porsche Império GT3 Cup retorna a Interlagos para a etapa final de endurance, prova de 500 km marcada para 2 de dezembro. Além dos campeões dos certames de longa duração, serão definidos também os vencedores “overall” da temporada, apurados por meio de ranking que computa todos os resultados do ano.

 

 

MAIS SOBRE:

velocidade Fórmula 1 Porsche Cup
Comentários