Primeiro tênis Air Jordan de Michael Jordan é vendido por mais de R$ 3 milhões

Previsão era de que fosse arrecadado, no máximo, R$ 873 mil

Relacionadas

O tênis usado e autografado pela lenda da NBA Michael Jordan em sua temporada de estreia alcançou um recorde de US$ 560 mil (R$ 3,2 milhões) em leilão online, informou a Sotheby’s neste domingo. O Air Jordan 1, projetado para Jordan em 1985 e o primeiro tênis com assinatura de todos os tempos, tinha previsão de custar entre US$ 100 mil e US$ 150 mil (R$ 572 a R$ 873 mil)  dólares no leilão.

A Sotheby’s, mais conhecida por vender arte multimilionária, realizou no ano passado seu primeiro leilão inteiramente dedicado a tênis. O evento havia estabelecido um novo recorde mundial de US$ 437,5 mil (R$ 2,54 milhões) para um par de tênis de corrida Nike 1972, conhecido como “Moon Shoe”. Como a maioria dos tênis de basquete de Jordan, o Air Jordan 1 tem tamanhos diferentes – 13 (45 no Brasil) no esquerdo e 13,5 no direito.

O leilão coincidiu com o 35º aniversário da marca Air Jordan e com a exibição de um documentário da ESPN sobre o Chicago Bulls e Jordan. Os dois últimos episódios, de um total de 10, vão ao ar ainda neste domingo. O tênis foi vendido pelo colecionador Jordan Geller, fundador do museu de tênis Shoezeum, em Las Vegas.

MAIS SOBRE:

basqueteNBA [National Basketball Association]Michael Jordan
Comentários