Torcida dos Bulls se une para comprar outdoor e pedir demissão de diretores

Fãs de Chicago estão revoltados pela troca de Jimmy Butler, melhor do time, com jogadores piores

Relacionadas

Com o draft da NBA, na última quinta-feira, sem grandes surpresas, a grande notícia daquela noite foi a troca desproporcional entre o Chicago Bulls e o Minnesota Timberwolves. Além de ser classificada como a pior desde que o período de transferências iniciou, a negociação também causou a ira da torcida de Chicago. 

À ocasião, os Bulls cederam Jimmy Butler, o melhor jogador do time, e a 16ª esolha no recrutamento. Em troca, os Wolves enviaram Kris Dunn, Zach LaVine e a sétima escolha do draft, que se tornou Lauri Markkanen.

Como protesto pela péssima transação, os fãs de Chicago estão promovendo uma vaquinha na plataforma GoFundMe para comprar um outdoor para pedir a demissão de John Paxson, vice-presidente de basquete, e Gar Forman, gerente geral do clube. 

Para ter certeza de que a manifestação será vista, os organizadores da vaquinha estabeleceram três objetivos, de acordo com o tamanho do banner. O menor é estimado em US$ 2 mil (R$ 6,6 mil); o médio, em US$ 5 mil (R$ 16,7 mil); e o "outdoor supremo", de US$ 15 mil (R$ 50,1 mil). Este último "seria colocado em área o grande tráfego em Chicago", como "uma rodovia, onde milhões de pessoas poderiam vê-lo diariamente". 

Até a publicação desta nota, a campanha "Que Nossas Vozes Sejam Ouvidas #DemitamGarPax" (tradução livre de "Let Our Voices Be Heard #FireGarPax") já tinha arrecadado US$ 6,499 (R$ 21,727). 

Para diminuir a futilidade da vaquinha, os organizadores informaram que, caso não juntem o necessário ou que sobre algum dinheiro, a quantia será doada à Associação Cristã de Moços (YMCA, na sigla em inglês) da região metropolitana de Chicago, "que tem um ótimo programa de basquete para jovens".

MAIS SOBRE:

basquetenbaChicago Bulls
Comentários