Zagueiro morde perna do atacante rival após dividida em jogo no Peru

Lance aconteceu no duelo entre Sport Huancayo e Sporting Cristal

Relacionadas

Em 2014, Luis Suárez chocou o mundo ao protagonizar um lance inesquecível com Giorgio Chiellini: a fatídica mordida do uruguaio no italiano durante a Copa do Mundo no Brasil. Quase cinco anos depois, uma jogada parecida volta a ser tratada na imprensa internacional. Desta vez, em solo peruano.

Em campo, Sport Huancayo e Sporting Cristal mediram forças pelo Campeonato Peruano no sábado. O placar marcava 1 a 0 para o Cristal, ainda no primeiro tempo, quando Emanuel Herrera e Luis Maldonado disputaram uma bola que acabou com ambos jogadores sendo expulsos.  

Tanto o zagueiro Maldonado, do Huancayo, quanto o atacante da equipe rival, Herrera, acabaram caindo ao disputarem bola na lateral de campo. Após o lance, o camisa 9 do Sporting Cristal aponta sua coxa e reclama de uma mordida do rival. O árbitro da partida decide por expulsar os dois.

Enquanto os colegas de time dos atletas reclamam com o juiz, um outro fato inusitado está acontecendo dentro de campo: um pequeno cachorro passeia e dá um baile nos auxiliares que tentam  pegá-lo. Os times ficaram com dez jogadores em campo e o duelo acabou com a vitória do Sporting Cristal por 2 a 0. 

Nas redes sociais, Emanuel Herrera protestou sobre ter sido expulso. "Não posso acreditar. Sinto muita impotência pelo que aconteceu em Huancayo. É a primeira vez que isso me ocorre na carreira. E o que mais revolta é por ser uma injustiça. O adversário me mordeu na perna, o árbitro viu, sabia o que tinha ocorrido, me levantei achando que seria feita a justiça e não foi assim. Me expulsaram", escreveu.

 

MAIS SOBRE:

futebolSport HuancayoSporting CristalCampeonato Peruano de Futebol
Comentários