Analogia de Rosenberg sobre mulher com Aids gera revolta nas redes sociais

Diretor de marketing do Corinthians tenta explicar dificuldades para vender naming rights da Arena

O diretor de marketing do Corinthians Luis Paulo Rosenberg gerou polêmica nas redes sociais nesta quinta-feira depois de tentar explicar a venda do naming rights da Arena em Itaquera fazendo analogia de uma mulher com Aids.

"O apelo da marca Corinthians é tão grande que temos quatro grandes grupos interessados em vir. É mais ou menos isso... Eles se sentem na situação de estar vendo a esposa perfeita, com dotes culinários, formada com MBA no exterior, uma mãe de filhos maravilhosos, mas parece que tem um teste de Aids (sic) positivo. Como é que eu encaixo a camisinha é o grande desafio", disse Rosenberg em entrevista à ESPN Brasil.

Nas redes sociais, o comentário do diretor de marketing gerou diversas críticas. "Que frase mais infeliz", "Rosenberg calado é um poeta", "esse cara é uma tragédia pro clube. Quanto mais ele abre a boca, pior sua imagem fica", "o Corinthians não precisa de inimigo, já tem um dentro de casa", reagiram alguns dos torcedores no Twitter.

Durante a entrevista, Rosenberg também culpou a recessão econômica no Brasil por não conseguir vender o nome da Arena do clube desde sua inauguração para a Copa do Mundo de 2014. 

Confira a repercussão:

 

 

MAIS SOBRE:

futebolCorinthiansLuiz Paulo RosenbergArena Corinthians
Comentários