Guardiola pararia de usar fita amarela se o City pedisse; entenda

Comandante corre o risco de ser punido pela Federação Inglesa por 'vestir uma mensagem política'

Relacionadas

A temporada incrível de Pep Guardiola pelo Manchester City tem causado repercussão que vai além de seus méritos esportivos nas últimas semanas. O técnico passou a usar uma fita amarela em sua roupa, um sinal de apoio aos membros do movimento independentista da Catalunha mantidos aprisionados pelo governo espanhol.

Saiba quem são os 10 jogadores mais valiosos da Copa Libertadores 2018

Atacante doa mil ingressos para crianças do Complexo do Alemão verem 'Pantera'

Jornal espanhol: Lesão de Neymar criou uma 'guerra' entre o PSG e a seleção

A vitória do clube em cima do Arsenal por 3 a 0 garantiu o título da Copa da Liga Inglesa. Na ocasião o treinador voltou a usar a usar o símbolo - ele já vinha exibindo o objeto em algumas partidas desde outubro. Nesta quinta-feira o confronto se repete, mas desta vez pela Premiere League. 

No entanto o comandante corre o risco de ser punido pela Federação Inglesa por isso. No dia 23 de fevereiro a FA (sigla em inglês) indiciou Guardiola por “vestir uma mensagem política” e uso de um símbolo que não respeita os regulamentos existentes. 

"Eu acho que não vai acontecer, mas se o clube pedir para eu deixar de usar, aceitarei isso. Eles são os chefes. Logicamente, eu não quero prejudicar meu time ou meu clube. Talvez, se no fim decidir que houve publicidade o suficiente, posso parar. Mas isso não é uma questão de esquerda ou direita na política”, afirmou o técnico antes do confronto com o Arsenal.

MAIS SOBRE:

futebol Josep Guardiola Manchester City Football Club Catalunha [Espanha]
Comentários