Após duas semanas de aulas, Totti desiste de curso de técnicos da Uefa

Ex-meia da Roma não conseguiria comparecer com frequência à aulas

Relacionadas

Após apenas duas semanas de aula, o ídola da Roma, Francesco Totti, desistiu de frequentar o curso de treinador da Uefa, segundo informou a Associação de Treinadores Italianos (AIAC). De acordo com a entidade, Totti desistiu do curso após perceber que não conseguiria comparecer às aulas com frequência.

"Francesco Totti demonstrou que é um grande campeão dentro e fora de campo. Não podendo comparecer ao curso com regularidade, e por respeito aos colegas e organizadores, abandonou a opção de se tornar treinador", explicou a AIAC.

 

 

Totti estava inscrito no curso para o diploma B da Uefa, requisito para poder treinar algum clube da Europa. No entanto, o ex-atleta resolveu adiar os planos de ser técnico. A vaga de Totti será ocupada pelo seu ex-companheiro de Roma e seleção italiana, o meio-campista Simone Perrotta.

O ex-camisa 10, de 41 anos, aposentou-se na temporada passada e atualmente é diretor do clube da capital.

O "Rei de Roma" liderou a equipe giallorossa na conquista do Campeonato Italiano em 2001, o último do clube. O meia também ganhou duas Copas da Itália (2006/07 e 2007/08) e duas Supercopas da Itália (2001 e 2007). Ao todo, Totti anotou 307 gols e atuou em 786 oportunidades. Com 619 partidas, ele é o terceiro jogador com mais aparições pela primeira divisão italiana, atrás somente de Gianluigi Buffon, com 624*, e Paolo Maldini, com 647. / ANSA

 

 

*Até a sétima rodada do Campeonato Italiano 2017/18, em 1º de outubro de 2017

 

MAIS SOBRE:

futebolas romaTotti
Comentários