Após invadir gramado, cadela é adotada e vira mascote de time mexicano

Tunita entra em campo com o time do Atlético San Luis e vira 'garota propaganda' de campanha sobre animais abandonados

Relacionadas

A cadela Tunita virou nos últimos dias o novo reforço do Atlético San Luis, do México. Após o animal ter invadido o gramado e interrompido um jogo da equipe no último dia 17, a diretoria resolveu adotar a vira-lata e transformá-la na nova mascote. É ela quem tem entrado em campo junto com o time e até participado dos treinos do elenco.

Tunita ganhou fama ao interromper a partida entre o San Luis e o Cruz Azul, pelo Campeonato Mexicano, na cidade de San Luis Potosí. A cadela invadiu o campo, mas logo foi retirada para que o jogo continuasse. Depois de terem vencido a partida por 2 a 1, os dirigentes tiveram a ideia de adotar o bicho. Mas havia um problema: Tunita havia escapado do estádio e não se sabia onde ela estava.

O San Luis resolveu fazer uma campanha nas redes sociais e presentear com uma camisa quem tivesse alguma pista. E deu certo. Tunita foi encontrada e passou a morar no centro de treinamento do clube junto com duas outras cadelas: La Güera e Canela. A nova mascote se diverte nos treinos ao correr atrás da bola e tem divertido os torcedores, que garantem nas redes sociais que Tunita faz mais gols do que vários atacantes do elenco.  

O clube tem divulgado vídeos da cadela junto com campanhas para intensificar a adoção de animais abandonados. Tunita entrou em campo junto com o time nos últimos jogos vestida com uma camisa de número 12.

MAIS SOBRE:

futebolCampeonato mexicano de futebolcachorro
Comentários