Arma de Renato Gaúcho que havia sido furtada há 18 anos é recuperada

Pistola em posse de dois homens suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas em Alvorada (RS)

Relacionadas

A Brigada Militar do Rio Grande do Sul recuperou uma pistola calibre 380 que está registrada no nome de Renato Gaúcho, técnico e ídolo do Grêmio. A arma havia sido furtada há 18 anos e foi encontrada em uma casa no município de Alvorada, região metropolitana de Porto Alegre.

Na ação, a BM prendeu dois homens, que não tiveram os nomes divulgados. Os policiais foram à casa após uma denúncia anônima informando o envolvimento dos dois no tráfico de drogas na região.

A pistola de Renato Gaúcho estava com um homem dentro da casa, que portava também um revólver. Com o outro, que tentou fugir após ser abordado no portão da residência, os policiais encontraram um revólver e uma mochila contendo três aparelhos celulares, 33 pinos de cocaína, cinco buchas de cocaína, 52 pedrinhas de crack, 77 porções de maconha e R$ 375,50. Os dois foram levados Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA).

Renato Gaúcho preferiu não comentar sobre o assunto. O boletim de ocorrência registrado há 18 anos não foi feito pelo treinador, mas ele aparecia como vítima no crime.

MAIS SOBRE:

futebolRenato GaúchoGrêmioPolícia Militar do Rio Grande do Sul
Comentários