Bandeirinha registra boletim de ocorrência após ser agredido por massagista

Confusão aconteceu durante a partida entre Potiguar de Mossoró e Globo FC, no sábado

Relacionadas

A partida entre Potiguar de Mossoró e Globo FC, no sábado (17), pelo Campeonato Potiguar, foi marcada por uma polêmica entre o massagista do time da casa e um dos bandeirinhas da partida. 

+ Real Madrid quer contratar Alisson, goleiro da seleção, diz jornal

+ Rafaela Silva usa Twitter para trocar figurinhas e revela que faltam só 11

+ Santos tenta atrair público para jogo na Vila com entradas de cinema

Na segunda etapa do jogo, quando o Globo já garantia sua vitória por 2 a 1, o massagista do Potiguar de Mossoró chegou a discutir com o bandeirinha João Henrique Queiroz e logo partiu para a agressão dentro de campo. O caso foi parar em uma delegacia em Natal nesta segunda-feira.

João Henrique registrou um boletim de ocorrência acusando o massagista Josimar Alves da Costa, mais conhecido como "Mickey". A queixa foi anexada à súmula da partida e também publicada no site da Federação Norte-rio-grandense de Futebol.

Na súmula, a confusão foi explicada: Mickey se irritou porque o assistente recolheu uma garrafa de água chutada pelo técnico Maikel Ranielle, depois da marcação de um pênalti para o Globo FC. Após a discussão entre o massagista e o bandeirinha, Mickey foi expulso e então partiu para a agressão. 

 

MAIS SOBRE:

FutebolNatal [RN]
Comentários