Barulho e apito de trem marcam presença em treinos da seleção brasileira

Cena já se tornou rotina neste início de preparação para a Copa do Mundo

Relacionadas

Quando os jogadores da seleção brasileira estão concentrados e trabalhando sob silêncio em Sochi, na preparação para a Copa do Mundo, eis que surge um barulho de longe. Como o campo de treino está localizado ao lado de uma linha de trem, a cada menos de cinco minutos uma composição passa a cerca de dez metros do gramado e quebra o silêncio e a privacidade da equipe do técnico Tite.

Fernanda Gentil ironiza restrições gays na Rússia: 'Eu tô bem menininha'

Os 10 jogos que você não pode perder da fase de grupos da Copa do Mundo

Pela TV ou online: como assistir aos jogos da Copa do Mundo 2018?

A cena já se tornou rotina neste início de preparação para a Copa. A seleção se refugiou em um local de treino para evitar a presença de curiosos, porém não conseguiu se isolar do barulho ferroviário. Pelo menos a CBF, com a ajuda do comitê organizador local, conseguiu cercar com tapumes os alambrados ao redor do trilho de trem para os passageiros não conseguirem espiar o que está sendo preparado na atividade.

O centro de treinamento escolhido pela seleção também está cercado de outros cuidados para não ser afetada a privacidade do time. Como no local funciona um centro esportivo de alto rendimento onde moram alguns atletas, a CBF pediu para que quem vive ali não filme ou grave os treinos comandados pelo técnico Tite.

MAIS SOBRE:

FutebolTiteRússiaCBF [Confederação Brasileira de Futebol]tremseleção brasileira masculina de futebolprivacidade
Comentários