Benfica recebe operação policial por denúncia de corrupção feita por rival

Suspeita de favorecimento ao clube foi levantada pelo Porto

Relacionadas

A Polícia Judiciária de Portugal realizou operação nesta quinta-feira no Estádio da Luz, em Lisboa, que é propriedade do Benfica, como parte de uma investigação de combate à corrupção, que envolveria acusações de dirigentes do Porto sobre favorecimento ao arquirrival.

O Ministério Público do país informou, por meio de comunicado, que a presença dos agentes na instalação esportiva é parte da ação, e que outros endereços "residenciais e não-residenciais" foram visitados.

De acordo com a promotoria portuguesa, as suspeitas de "corrupção passiva e ativa" envolvem "um indivíduo", que não teve a identidade revelada, por causa do segredo de Justiça imposto à investigação.

Em nota, o Benfica se posicionou apontando que vê a operação "com a maior normalidade", destacando que desde o primeiro momento esteve disponível para repassar toda a informação necessária para os policiais.

A investigação envolve denúncias por parte do Porto de um esquema de corrupção para favorecer o clube encarnado, o que a imprensa portuguesa denominou de "caso dos e-mails".

De acordo com dirigentes dos Dragões, representantes da equipe lisboeta, inclusive, chegaram a influenciar no trabalho de juízes, e situações como essas seriam comprovadas com o conteúdo de várias trocas de mensagens.

MAIS SOBRE:

FutebolJustiçaLisboa [Portugal]BenficaPorto [Portugal]corrupçãofutebol
Comentários