Borussia Dortmund escapou de tragédia por questão de segundos, diz investigador

Se as explosões tivessem acontecido segundos antes, ônibus teria sido atingido com maior impacto, de acordo com jornal alemão

Relacionadas

O jornal alemão Bild am Sonntag informou neste domingo, 16, que o atentado contra o ônibus do Borussia Dortmund na semana passada, que deixou dois feridos, por muito pouco não terminou em uma tragédia maior.

Em entrevista ao jornal alemão, um investigador do caso disse que se as explosões tivessem acontecido segundos antes, o ônibus teria sido atingido de forma mais impactante, o que poderia ter deixado ainda mais feridos e também mortos.

"Se esses explosivos tivessem explodido segundos antes, todo o ônibus teria recebido um forte impacto, o que seguramente teria deixado muitos gravemente feridos e alguns possivelmente mortos", disse o investigador.

As explosões aconteceram na terça, 11, enquanto o time do Borussia Dortmund se descolava para o estádio, para jogar contra o Monaco pela Champions League. O zagueiro Marc Bartra foi ferido e precisou passar por uma cirurgia.

 

MAIS SOBRE:

FutebolBorussia Dortmund
Comentários