Botafogo muda escudo para homenagear mães que criam seus filhos sozinhas

Equipe do técnico Eduardo Barroca venceu a terceira partida seguida

Relacionadas

 Botafogo e Fluminense se enfrentaram neste sábado em uma partida válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O Botafogo se deu melhor e triunfou sobre o rival carioca com um gol de Alex Santana, mas não foi só a terceira vitória seguida do alvinegro que chamou atenção dos telespectadores.

Em uma ação pensada para o Dia das Mães, celebrado neste domingo, o Botafogo anunciou nas redes sociais a retirada pontual de uma parte emblemática de seu escudo como forma de homenagem. Ao entrarem em campo, os jogadores do clube exibiram uma faixa que explicava a ação.

"A estrela solitária saiu do escudo para lembrar de outras: as 11,6 milhões de mães que criam seus filhos sozinhas. Estamos com elas". Pensada em parceria com a ONU Mulheres, o time divulgou outros dados em seu site. Todos retirados do IBGE.

"São mães que criam seus filhos sozinhas e concentram responsabilidades familiares. Grande parte é formada por mulheres negras e de baixa renda, que se encontram em situação de alta vulnerabilidade social. Elas encontram barreiras para entrar no mercado de trabalho ou até mesmo para estudar".

Depois da cerimônia do início da partida, os jogadores comandados pelo ténico Eduardo Barroca retiraram os adesivos de seus uniformes e atuaram com a camisa normal do clube. 

No próximo domingo, o Botafogo vai até Goiânia enfrentar o Goiás, às 16 horas, no Serra Dourada, pela quinta rodada. Com o resultado deste sábado, a equipe alvinegra chegou aos nove pontos e assumiu a vice-liderança da competição.

MAIS SOBRE:

futebolFluminenseCampeonato Brasileiro de FutebolAlex SantanaDia das MãesEduardo BarrocaBotafogo
Comentários