Campanha com o goleiro Santos, do Athletico-PR, ganha prêmio em Cannes

Goleiro utilizou celular no campo, durante minuto de silêncio, em ação por consciência no trânsito

Relacionadas

Em maio de 2018, o goleiro Santos, do Athletico-PR foi flagrado utilizando um celular em campo, poucos minutos antes da partida contra o Atlético-MG na Arena da Baixada. A ação era parte de uma campanha publicitária, que recebeu uma medalha de prata na última quinta-feira (22/06) em Cannes, na França, o maior festival de cinema do mundo.

A ação 'Distracted Goalkeeper' (goleiro distraído) foi produzida pela agência Tech and Soul, de São Paulo, para o Uber, patrocinador do Athletico-PR. A intenção era conscientizar os motoristas sobre os riscos de utilizar o celular ao dirigir, no mês do maio amarelo, que visava diminuir o número de mortes no trânsito.

No dia, Santos utilizou o celular durante o minuto de silêncio, e o largou na beira do campo quando o juiz apitou o início da partida. Depois do jogo, o atleta manteve o papel e disse em entrevista à TV Globo que não via problema em usar o aparelho naquele momento. Apenas posteriormente foi revelado que a ação era parte de uma campanha publicitária.

A imagem viralizou e gerou polêmica no Brasil e no mundo. Veja o vídeo produzido pela Uber sobre o momento.

Mas nem o prêmio em Cannes nem outras festivais de propaganda, como o New York Festivals International Adversiting Awards de 2019 impediram Santos e o Athletico de serem punidos pelo STJD. O goleiro pegou um jogo de suspensão e o clube foi multado em R$ 50 mil.

MAIS SOBRE:

futebolAtlético ParanaenseUberFestival de Cannes [cinema]
Comentários