Campeão chinês, Felipão se despede do Guangzhou Evergrande com festa

Treinador deixou clube após conquistar três títulos do Campeonato Chinês e um da Liga dos Campeões da Ásia

Relacionadas

Com mais um troféu para a coleção, o técnico Luiz Felipe Scolari se despediu do Guangzhou Evergrande neste sábado, 4, após a última partida do campeonato chinês contra o Tianjin Quanjian, no qual a equipe do brasileiro perdeu por 2 a 1. Apesar da derrota, o Guangzhou conquistou o título com duas rodadas de antecedência. 

Com a medalha de campeão no peito, o treinador fez um discurso para a torcida do clube e recebeu um banho de cerveja de alguns jogadores. "Obrigado ao Guangzhou Evergrande por ter permitido que viesse à China, onde passei dois anos e meio muito agradáveis", declarou o ex-técnico do Brasil e de Portugal.

 

Contratado em junho de 2015 para substituir Fabio Cannavaro, Scolari encerra sua passagem pelo Guangzhou com a conquista de três títulos do Campeonato Chinês e um da Liga dos Campeões da Ásia, além de uma Copa e duas Supercopas da China. Felipão ainda não anunciou seu futuro, mas apontou que não está descartada a possibilidade de seguir no futebol do país asiático. 

 

MAIS SOBRE:

futebolLuiz Felipe ScolariChina [Ásia]
Comentários