Carrasco da seleção em 1982, italiano Paolo Rossi dará aulas a brasileiros

Principal destaque da derrota do Brasil diante da Itália fará convênio com escolinhas de futebol de Zico

Relacionadas

O ex-atacante italiano Paolo Rossi, carrasco da seleção na Copa do Mundo de 1982, oferecerá aulas de futebol para jovens brasileiros. Na próxima segunda-feira (26), o ídolo da Azzurra apresentará no Brasil uma colaboração entre a Paolo Rossi Academy, baseada em Perúgia, e as escolas de futebol do ex-craque Zico, um dos derrotados pela Itália no Mundial da Espanha.

Os jovens que fizerem parte do projeto usarão uniformes com o emblema da Paolo Rossi Academy, em uma iniciativa que une dois dos protagonistas da que ficou popularizada no País como a "Tragédia do Sarriá", com a inesperada derrota do Brasil no início da segunda fase daquele Mundial.

Na Copa de 1982, Rossi marcou os três gols da vitória da desacreditada Itália por 3 a 2 sobre o badalado Brasil de Toninho Cerezo, Zico, Falcão e Sócrates, sacramentando a eliminação da seleção canarinho. 

A Azzurra terminaria campeã daquela edição do Mundial, o terceiro título de sua história. E o ex-atacante, por sua vez, virou o grande vilão da derrota brasileira. Fato este que o surpreendeu na chegada ao Brasil. "Estou contente que me demonstrem afeto aqui, apesar de a lembrança de Sarriá ainda estar viva", disse o italiano, ao comentar a recepção afetuosa dos brasileiros.

 

 

MAIS SOBRE:

futebolPaolo RossiZico [Arthur Antunes Coimbra]Copa do Mundo Espanha 1982 [futebol]seleção brasileira masculina de futebolseleção italiana masculina de futebol
Comentários