Carrasco do Grêmio faz referência a Maradona após gol: 'A mão de Deus'

Borré foi o responsável pelo gol de empate do River Plate nesta terça-feira

Relacionadas

Duas jogadas polêmicas custaram a eliminação do Grêmio na Libertadores, após derrota por 2 a 1 para o River Plate, nesta terça-feira. Uma delas foi o pênalti cometido por Bressan. A outra, o gol de Borré, que empatou a partida com uma jogada discutível. Para piorar a situação, o jogador do time argentino usou as redes sociais para provocar ainda mais os brasileiros.

Aos 36 minutos da segunda etapa, Martínez levantou a bola na área e Borré desviou pouco antes da pequena área para as redes. A bola resvalou no seu braço, mas ninguém viu isso na hora e o VAR não foi acionado.

Usando Maradona como referência, Borré provocou os brasileiros em uma publicação no Instagram. "Vamos equipe, todos juntos. De la mano de Dios (da mão de Deus)", escreveu. A expressão ficou consagrada quando o ídolo argentino marcou um gol com de mão na Copa do Mundo de 1986.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Vamos equipo, todos juntos⚪️❤️⚪️ De la mano de Dios

Uma publicação compartilhada por Rafael Borré (@rafaelsantosborre) em

 

Com o resultado da partida, o River aguarda para conhecer o seu adversário nesta quarta-feira. Em São Paulo, o Palmeiras receberá o Boca Juniors e terá a missão de buscar uma boa vitória após ser derrotado por 2 a 0, em Buenos Aires. Os jogos das finais estão marcados pela Conmebol para serem disputados nos dias 7 e 28 de novembro.

 

 

MAIS SOBRE:

FutebolBressanMaradonaRiver PlateGrêmio
Comentários