Chelsea não quis Mbappé em 2012 por pouca aplicação defensiva, diz ex-olheiro

Clube reprovou o jogador que hoje se firmou como um dos maiores da atualidade

Relacionadas

O Chelsea teve a chance de contratar o atacante francês Kylian Mbappé, em 2012, mas reprovou o jogador por causa da pouca aplicação defensiva, conforme revelou o ex-olheiro do clube inglês Serge Daniel Boga, em entrevista publicada nesta sexta-feira.

"Ele era muito habilidoso, mas, na Inglaterra querem jogadores que trabalhem duro. Naquele momento, ele não era assim. Defensivamente, não tinha chegado a esse ponto. Quando tinha a bola era incrível, mas sem a bola não se esforçava muito. Por isso, queriam fazer outro teste", relembrou o antigo funcionário dos do clube em entrevista ao site esportivo Goal.

"Foi o primeiro time em que ele fez teste. Antes do Real Madrid. Eu tinha um amigo que trabalhava para a Nike e, quando estava na França, o encontrei. Ele me perguntou se já tinha ouvido falar de um jovem chamado Mbappé, que jogava no Bondy, um pequeno time de Paris", afirmou Daniel Boga.

Na época em que o francês participou do teste, no centro de treinamento do clube, ele tinha apenas 13 anos. "Eu o trouxe a sua família. Ele era habilidoso como é agora. Após uma semana, dissemos que queríamos que voltasse para um novo teste. Me lembro do que a mãe dele disse: 'Meu filho não vai voltar, se vocês o querem, o contratem agora, porque em cinco anos ele vai custar 50 milhões", contou o ex-olheiro do Chelsea, sobre como o clube desistiu do atacante.

Mbappé, agora com 19 anos, já se firmou como um dos maiores da atualidade, tendo sido contratado pelo Paris Saint-Germain por 180 milhões de euros (R$ 874,4 milhões, em valores atuais). Em julho, foi eleito a revelação da Copa do Mundo, vencida pela seleção francesa./EFE

 

 

MAIS SOBRE:

FutebolChelseaKylian MbappéParis Saint-Germain
Comentários