Clube demite cheerleaders que atrapalhavam atletas por 'serem bonitas demais'

Segundo o proprietário do Billericay Town, algumas das moças até mesmo tinham relações com os jogadores

Relacionadas

O Billericay Town é um clube semi-profissional e atualmente disputa a sétima divisão do Campeonato Inglês. Porém, uma atitude tomada pela diretoria tem chamado atenção de todos. Para não prejudicar o rendimento de seus atletas, todas as cheerleaders do time foram mandadas embora. O motivo: elas eram muito bonitas e tiravam a concentração dos jogadores.

A decisão foi tomada por Glenn Tamplin, dono da equipe e que revelou que algumas das moças até mesmo mantinham relações com alguns de seus atletas. "Tivemos que tomar essa atitude porque elas estavam tirando o foco dos nossos jogadores e algumas delas, não todas, mantinham relacionamento com eles", afirmou o dirigente, por meio de seu Twitter.

"Estamos muito desapontados que nosso projeto não foi para frente, mas o que fica foram as amizades que fizemos no Billericay Town. É uma pena que temos uma equipe para trabalhar, mas ninguém para apoiar", comentou Bekka Batchelor, líder do grupo de moças que perdeu o emprego após menos de um mês na função.

 

 

MAIS SOBRE:

FutebolTwitterfutebolTorcida
Comentários