Clubes e atletas estrangeiros fazem rede de apoio ao Flamengo por incêndio

Real Madrid, Boca Juniors, Milan e outros times publicaram mensagens nas redes sociais

Relacionadas

Na madrugada desta sexta-feira um incêndio de grandes proporções atingiu o CT do Flamengo, deixando dez mortos e outros três feridos. Com a repercussão da notícia na imprensa internacional, jogadores e clubes estrangeiros também começaram a mostrar solidariedade com o ocorrido nas redes sociais.

Na parte do Ninho do Urubu atingida pelas chamas ficam os dormitórios dos atletas de base do clube, jovens garotos de 14 a 17 anos. O Real Madrid foi um dos primeiros clubes a se manifestar sobre o ocorrido. Em uma nota oficial, o clube merengue lamentou a tragédia em Vargem Grande, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

"O clube quer transmitir suas condolências aos parentes e amigos das vítimas e deseja uma rápida recuperação dos feridos. O Real Madrid mostra sua solidariedade ao Flamengo, seus torcedores e ao futebol brasileiro", diz parte da nota oficial divulgada em seu site e redes.

Outra equipe espanhola, o Atlético de Madrid também usou o Twitter para mostrar solidariedade com a tragédia no Flamengo. "Queremos expressar nossas condolências a todos os familiares das vítimas no incêndio do centro de treinamento do Flamengo e enviar toda a nossa força aos feridos", escreveu.

A seleção chilena declarou estar "totalmente chocada com o trágico incêndio que afetou as instalações" do Flamengo e chamou atenção para o fato de o treinador da seleção, Reinaldo Rueda, já ter sido técnico do clube rubro-negro. "Nosso apoio e carinho para o Flamengo, ex-equipe do Reinaldo Rueda, por este triste momento", registrou.

Outro time que compartilhou a publicação em que o Flamengo afirma estar de luto pela tragédia foi o Sporting, de Portugual. "Neste momento de dor, o Sporting está solidário com as famílias das vítimas do desastre no CT do Flamengo", comenta.

Tanto o Milan quanto o Boca Juniors também lamentaram o ocorrido por meio das contas oficiais no Twitter. O clube italiano chamou o incêndio de "enorme tragédia" e disse que os seu pensamento está com as famílias das vítimas e os demais afetados pelo ocorrido.

Jogadores estrangeiros

O alemão Luka Podolski deixou uma mensagem lamentando, em português, o incêndio nas dependências do Flamengo. "Uma notícia muito triste para um clube pelo qual tenho um carinho muito especial. Envio o meu apoio e condolências ao clube, aos jogadores e aos familiares e amigos. E agora mais do que nunca, força Flamengo", escreveu.

Outro jogador internacional que se posicionou foi Sergio Ramos, zagueiro do Real Madrid. O atleta escreveu tanto em espanhol quanto em português. "Notícias muito tristes do Brasil. Meus pensamentos estão com os #GarotosDoNinho", publicou.

Iker Casillas é outro atleta nascido na Espanha que se solidarizou com o ocorrido. O goleiro, que atualmente veste a camisa do Porto, também publicou em seu Instagram uma mensagem. "Uma tristeza muito grande. Meu respeito e encorajamento a todas essas pessoas. Muita força", desejou. 

 

MAIS SOBRE:

futebolReal Madrid Club de FutbolMilanAtlético de MadridBoca JuniorsincêndioNinho do UrubuSergio RamosRio de Janeiro [cidade RJ]
Comentários