Com brasileiros na 3ª colocação, Fifa libera nova cota de ingressos para a Copa

De um total de 64 partidas apenas duas estão esgotadas, a final e um jogo da Argentina

Relacionadas

Faltando menos de 100 dias para o início da Copa do Mundo da Rússia, a Fifa anunciou que já vendeu mais de 1,3 milhão de ingressos para o torneio que começa no próximo dia 14 de junho. Nas duas fases de vendas os donos da casa foram responsáveis pela compra de 15% das entradas, seguidos pelos 33.048 ingressos de colombianos (2,5%) e 24.656 de brasileiros (1,9%). Depois aparecem os peruanos (21.946), alemães (21.639) e norte-americanos (20.347).

Nike pode arcar com os custos do Real Madrid na compra de Neymar

A permanência de Mina no Barcelona depende da mulher de Coutinho; entenda

Mito: Não existe figurinha difícil ou carimbada no álbum, garante Panini

Nesta terça-feira, dia 1, a venda para as partidas foi retomada. As compras vão acontecer por ordem de chegada no site oficial da Fifa. Clique aqui para comprar. Esta é a penúltima fase de vendas de ingressos para a Copa,  a próxima será entre os dias 18 de abril e 15 de julho, data da final.

Segundo a entidade, de um total de 64 partidas apenas duas estão esgotadas (e podem ser comercializadas posteriormente caso haja desistência). Uma é a final, no dia 15 de julho, e outra é o confronto entre Argentina e Islândia, no dia 16 de junho.

São três categorias de ingressos, separadas por lugar e, consequentemente, por preço. Há uma quarta categoria, popular, mas destinada somente aos residentes da Rússia. A categoria 1 é a mais cara, com preços que variam de R$ 682 a R$ 3.580. Já a categoria 2 tem ingressos custando de R$ 538 a R$ 2.315. Por fim, a 3ª categoria inclui preços que vão de R$ 342 a R$ 1451. 

MAIS SOBRE:

futebol Copa do Mundo Rússia 2018 [futebol] Fifa [Federação Internacional de Futebol]
Comentários