Comentarista mineiro pisa em camisa do Boca e causa revolta; assista

Cruzeiro lamenta ato do jornalista; equipes disputam volta das quartas da Libertadores

Relacionadas

O jornalista Rodrigo Genta passou dos limites em provocação ao Boca Juniors nesta quarta-feira. Em participação no programa "Bate Papo Esportivo", da TV Horizonte, ele arremessou ao chão uma camisa do time, pisoteou-a diversas vezes e disse: "Isso aqui é a camisa do Boca. O que nós temos que fazer com esse time amanhã? Pisar, massacrar, fazer o que esses caras fazem com a gente lá. É isso que a gente passa lá com essa porcaria desses argentinos, eles pisam na gente…".

O fato repercutiu negativamente, tanto aqui quanto no país vizinho. Brasileiros e argentinos criticaram a atitude do comentarista, que é cruzeirense assumido e já trabalhou no clube. O Olé, maior diário esportivo da Argentina, publicou o vídeo na manhã desta quinta-feira. O caso fez com que o Cruzeiro emitisse nota oficial repudiando o ocorrido.

"O Cruzeiro Esporte Clube vem a público lamentar profundamente o infeliz ato do jornalista Rodrigo Genta. (...) Ex-funcionário, demitido há anos, Rodrigo Genta acionou o Cruzeiro na Justiça e hoje é persona non grata no Clube", dizia trecho da nota oficial divulgada pelo clube em seu site.

Nesta quinta-feira, a equipe enfrenta o Boca pela segunda partida das quartas-de-final da Copa Libertadores. O time mineiro, porém, tem difícil missão para avançar às semifinais. No jogo de ida, na Bombonera, os argentinos conquistaram boa vitória de 2 a 0.

 

 

MAIS SOBRE:

FutebolBoca JuniorsLibertadores [Copa Libertadores da América]Cruzeiro Esporte Clubefutebol
Comentários