Copa do Mundo no Catar não terá bebida alcoólica em lugares públicos

Consumo de álcool só será permitido em locais especiais durante o Mundial de 2022

Relacionadas

Os torcedores que forem ao Catar para assistir à disputa da Copa do Mundo de 2022 não poderão consumir bebidas alcoólicas em público, mas apenas em lugares especiais, anunciou no último sábado, dia 15, o secretário-geral do comitê organizador do Mundial, Hassan al Zawadi.

"Vamos ter lojas particulares para beber álcool", contou Al Zawadi em entrevista após o evento que apresentou o projeto de desenho do Losail Iconic Stadium, sede do jogo de abertura e da final da próxima Copa.

No mesmo evento, Zawadi comentou sobre a cidade planejada de R$ 176 bilhões e revelou detalhes do plano que o Governo tem para reaproveitar os locais após o fim do Mundial. 

"Na rua, não. Em lugares públicos não se pode beber. Essa é nossa lei aqui", explicou o secretário-geral do evento que será disputado de 21 de novembro a 18 de dezembro de 2022. "Até a Copa, vamos explicar para o mundo qual é a lei, onde pode beber, onde não pode, tudo isso", prometeu. 

"Há muitos países em que não é permitido beber enquanto está na rua. Mas o álcool, se você quiser hoje, pode beber. E por isso a bebida alcoólica existe aqui no Catar, mas não existe nos lugares públicos", completou.

O Catar é um país islâmico conservador no qual a venda de álcool só é permitida aos estrangeiros não muçulmanos, que podem adquirir bebida em lojas específicas mediante a apresentação de uma permissão expedida pelo Governo.

 

MAIS SOBRE:

FutebolCatar [Ásia]Copa do Mundo Rússia 2018 [futebol]bebida alcoólicafutebol
Comentários