Corinthians compara camisas antes de anunciar o BMG como patrocínio master

Clube alvinegro está perto de anunciar oficialmente a chegada do novo patrocinador

Relacionadas

O Corinthians estava sem um patrocinador na parte mais nobre de sua camisa desde abril de 2017, quando encerrou o acordo com a Caixa. Mas tudo mudou na última quarta-feira, quando o clube alvinegro fechou negócio com o BMG. Apesar de ainda não ter sido divulgado oficialmente, uma postagem no Instagram do clube já sugere o acerto com o banco mineiro.

Aproveitando o desafio que tomou as redes sociais em que se compara imagens com a diferença de 10 anos, o Corinthians fez uma montagem com as camisas de 2009 e de 2019, em que nenhuma marca está exposta no patrocínio master. 

Nos comentários, os torcedores já comentam sobre o novo patrocinador que deve render por volta de R$ 30 milhões. "Anuncia logo a BMG", pede um. "Há 10 anos atrás a gente tinha patrocínio master e não tinha um estádio impossível de pagar, parabéns aos envolvidos", critica outro. 

O BMG é líder no mercado de cartão de crédito consignado e já patrocinou no passado clubes como Atlético-MG, Cruzeiro, Flamengo, Vasco, Palmeiras, Coritiba e São Paulo.

A estreia do uniforme já com o nome do banco deve acontecer no próximo domingo, na abertura do Campeonato Paulista. O Corinthians enfrenta às 17h o São Caetano em Itaquera. 

 

MAIS SOBRE:

futebolCorinthians
Comentários