Corinthians e torcedor doam comida a atletas do Deportivo Lara após jogo

Jogadores venezuelanos teriam chorado ao receber hambúrgueres no vestiário, segundo repórter de rádio

Relacionadas

A Venezuela atravessa uma crise humanitária profunda, que atinge até mesmo as equipes de futebol do país. O Deportivo Lara veio a São Paulo para enfrentar o Corinthians pela Copa Sul-Americana e recebeu um agrado do clube alvinegro e dos torcedores adversários.

O Corinthians doou água e frutas para os adversários, enquanto o torcedor Léo Rizzo, do camarote Fiel Zone, deu 60 hambúrgueres para os atletas e comissão técnica do Deportivo Lara. Segundo o repórter Marco Bello, da rádio Transamérica, os jogadores venezuelanos choraram ao receber a comida.

Pelo menos os times brasileiros têm tentado ajudar quando enfrentam venezuelanos. Em 2019, o Cruzeiro doou itens de higiene a uma instituição de caridade que cuida de crianças e adolescentes no país vizinho quando foi enfrentar o mesmo Deportivo Lara pela Libertadores. Em 2018, Corinthians e Grêmio também fizeram doações quando viajaram ao país.

Em campo, o Corinthians venceu o Deportivo Lara por 2 a 0, com gols de Vagner Love e Gustagol, ambos de cabeça. O time paulistano encaminhou bem a vaga para as oitavas de final; caso confirme a classificação, enfrentará Cerro ou Montevideo Wanderers, ambos do Uruguai.

MAIS SOBRE:

futebolCorinthiansDeportivo LaraCopa Sul-americanaVenezuela [América do Sul]
Comentários