Corinthians levará crianças refugiadas para participar de jogo em Itaquera

Kaysar, finalista do Big Brother Brasil 2018, será o intérprete das crianças sírias que não falam português

Relacionadas

Time dos Povos. A nova campanha do Corinthians promete sensibilizar a sociedade sobre a dramática crise humanitária na Síria. No jogo do próximo domingo, 06, o clube levará crianças refugiadas para participar do duelo contra o Ceará, em Itaquera.

+ Veja como o Ramadã pode afetar Salah e Mané na final contra o Real Madrid

+ Após audiência, Guerrero mostra confiança e afirma poder atuar neste domingo

+ Às vésperas da volta de Neymar, Cavani admite problemas com brasileiro

Entre as ações programadas, uma criança síria entregará a bola ao árbitro da partida. Além disso, as 18 crianças sírias escolhidas e outras 26 crianças de outras nacionalidades em situação de refúgio no Brasil, entrarão com a camiseta "Time dos Povos" em campo.

Conhecido após a última edição do Big Brother Brasil, o global Kaysar também confirmou presença. Ele ficará responsável por ser o intérprete das crianças sírias que não falam português.

Para completar, o Corinthians colocará o logo da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR na faixa do capitão e o nome dos jogares estarão em árabe nas camisas da partida. Algumas delas ainda serão doadas para leilões após o jogo. Os painéis de Led da Arena vão exibir mensagens em defesa da paz e serão produzidas cerca de 20 mil faixas alusiva ao tema.

"Devido à gravidade da situação na Síria, nesse ano iremos homenagear às crianças, as maiores vítimas da crise humanitária no Oriente Médio. De acordo com o ACNUR, mais da metade dos 22,5 milhões de refugiados em todo o mundo são crianças", escreveu o Corinthians em seu comunicado oficial.

MAIS SOBRE:

FutebolCorinthians
Comentários