CR7 pode ser preso e pagar multa milionária por fraude na Espanha

Craque do Real Madrid foi denunciado e pode ter que ficar sete anos atrás das grades

Relacionadas

A boa fase de Cristiano Ronaldo pode estar perto do fim. Ao menos fora do campo. O craque do Real Madrid foi denunciado pela promotoria da capital espanhola por supostos crimes contra a Fazenda e, caso condenado, além de ser obrigado a pagar uma multa de 28 milhões de euros (R$ 103,4 milhões), ainda pode ser preso por causa das irregularidades.

O Ministério Público acusa o jogador de quatro crimes, que teriam sido cometidos por quatro anos. Os valores ocultados por ano são de 1,39 milhão de euros em 2011, 1,66 milhão em 2012, 3,20 milhões em 2013 e de 8,50 milhões em 2014, totalizando 14,7 milhões de euros (R$ 54,3 milhões).

Os técnicos do Ministério da Fazenda divulgaram que CR7, inclusive, pode ser ir para a prisão por causa dos delitos denunciados. A pena mínima seria de sete anos de prisão, embora esteja aberta a possibilidade de atenuantes, com redução, caso o jogador admita os fatos, ou transformação em multa.

Segundo a denúncia, Cristiano Ronaldo tem se aproveitado de uma estrutura de empresas criada em 2010 para não declarar as quantias que recebe a título de direitos de imagem, algo que representa descumprimento "voluntário" e "consciente" das obrigações fiscais na Espanha.

MAIS SOBRE:

FutebolCristiano RonaldoReal MadridMinistério da FazendaMinistério PúblicoEspanhaFutebol
Comentários