Daniel Alves defende que PSG jogue em função de Neymar: 'É como com Messi'

Lateral acredita que, assim, o clube francês pode ser ainda mais vitorioso

Relacionadas

Daniel Alves e Neymar estão muito próximos de levantar mais um troféu juntos pelo Paris Saint-Germain. Isso poderá ocorrer neste próximo domingo, pois um empate com o Lille dará ao PSG o título francês. Além de colegas de time e de seleção brasileira, os jogadores também são amigos. Em entrevista à rádio francesa RMC, o lateral-esquerdo analisou o rendimento do camisa 10, de quem é um grande defensor.

Para Daniel Alves, o PSG precisa se adaptar ao jeito do atacante brasileiro jogar. Assim, se todos trabalharem para que Neymar consiga dar o seu melhor, o time francês pode ser ainda mais vitorioso.

Para justificar sua posição, ele compara o atacante ao argentino Messi. "Imagine que pago um ingresso para ver um show. As pessoas têm que entender o que querem ver? Um show. Se Messi perde a bola, nós corremos para recuperá-la e devolvê-la a ele. Então, vamos criar as coisas", pontua.

O lateral também comentou sobre o estilo de jogo de seu colega de time durante a entrevista dada ao programa comandado pelo ex-atacante francês Christophe Dugarry, campeão do mundo em 1998.  Dani Alves diz acreditar que ele não deve mudar sua maneira de jogar, mas sim continuar a melhorar.

"Ele sempre deve ter a bola. O que acontece é como com Messi. Ao redor de Messi, há outros jogadores. Aqui, não entendemos Neymar. Ele sempre deve ter a bola. Ele te dá o que você não tem (a bola). Eu lhe dou a bola, e ele faz o que quiser", avaliou Daniel Alves.

MAIS SOBRE:

futebolParis Saint-GermainDaniel AlvesNeymar
Comentários