De mordomo a jatinho privado: as exigências feitas por Mbappé ao PSG

Jogador estava negociando com o Real Madrid quando optou em ir para o clube francês

Relacionadas

Kylian Mbappé tem visto sua popularidade aumentar no último ano. Novas informações sobre a transferência do jovem de 19 anos foram reveladas pelo Football Leaks. De acordo com o site, o camisa 7 do Paris Saint-Germain estava negociando com o Real Madrid quando optou em ir para o time francês.

O clube merengue estava disposto a pagar 180 milhões de euros (R$ 777,8 milhões) para contar com o atacante em seu elenco. Apesar de querer atuar ao lado de Cristiano Ronaldo, o francês ficou com receio de ficar no banco de reserva e, por isso, resolveu rejeitar a proposta.

A publicação mostra, no entanto, que nem tudo ocorreu como o atacante planejava, apesar do clube ter aceito pagar a mesma quantia oferecida pelo time espanhol. O jogador fez várias exigências ao PSG que acabaram não sendo aceitas. 

O time francês não concordou, por exemplo, em transformar Mbappé no jogador mais caro do elenco - posto que pertence ao brasileiro Neymar - caso vença o prêmio Bola de Ouro. Mas se ele faturar o prêmio da France Football, a negociação afirma que o atleta será beneficiado com um bônus de 500 mil euros (R$ 2,1 milhões). 

O clube negou indenizar o francês caso o time seja desclassificado da Liga dos Campeões e também rejeitou o pedido do jogador de que pagassem 50 horas de jatinho privado por ano. 

Ainda assim, o PSG aceitou pagar uma verba de 30 mil euros (R$ 129,6 mil) mensais para o pagamento de um aluguel e a possibilitar a contratação de três profissionais para integrar o staff do jovem francês: um mordomo, um motorista e um segurança. 

 

MAIS SOBRE:

FutebolKylian MbappéParis Saint-GermainReal Madrid Club de Futbolfutebol
Comentários