Mirando seleção, Pato fala de atritos com Ceni e torce por sucesso de ex-goleiro

Atacante do Villarreal acredita que ídolo tricolor pode se sair muito bem como técnico do São Paulo

Relacionadas

Depois de passar por Corinthians, São Paulo e Chelsea, Alexandre Pato enfrenta um período de ressurgimento na carreia, com a camisa 10 do Villarreal. Na Espanha desde julho, o brasileiro afirmou que deseja retornar à seleção brasileira. "Vou trabalha ao máximo, dar tudo aquilo que posso dentro de campo para que possa receber uma chance. Quero ter uma chance para mostrar que posso estar ali na Seleção. E vou esperar. Meu objetivo é voltar à Seleção neste ano, quero ter essa oportunidade de vestir a camisa. Esse é meu primeiro objetivo", disse o atacante em entrevista ao GloboEsporte.com

Na mesma matéria, Pato comenta também sobre a passagem pelo São Paulo, e revela que bateu de frente com Rogério Ceni algumas vezes. "Muita gente não sabe, mas eu algumas vezes já tive alguns atritos com o Rogério na frente de todo mundo, em reuniões com o grupo. Eu e ele debatemos muitas coisas. O Rogério para mim é um ídolo. Como pessoa... Ele é um cara que, no jeito como se expressa, transmite aquela vontade de ganhar." Apesar das discussões, Pato torce pelo ex-companheiro e acredita que ele pode ter sucesso à frente do São Paulo. "Acho que ele tem tudo para dar certo agora no São Paulo. Espero que dê certo, que o São Paulo possa voltar a ganhar títulos."

Confira a entrevista completa de Alexandre Pato no site do GloboEsporte.com

 

MAIS SOBRE:

futebolalexandre patoVillarreal
Comentários