Deixado de fora dos quatro grandes por jornalista, Santos rebate no Twitter

Rodrigo Capelo deu uma opinião polêmica na tarde desta quarta-feira

É comum programas esportivos na televisão tratarem sobre assuntos polêmicos. Essa quarta-feira foi mais um desses dias, com o diferencial de que o que foi falado no Acabou a Brincadeira, do SporTV, desagradou tanto um clube que ele resolveu até mesmo se manifestar por meio das redes sociais. 

O jornalista Rodrigo Capelo afirmou durante o programa que atualmente só existem quatro grandes clubes no Brasil, e não mais doze como antes diziam. Para ele, quem continua nessa posição é o Flamengo, Palmeiras, Corinthians e São Paulo

"Eu estava pensando em usar 'superclubes' (para se referir aos quatro clubes) e manter os grandes, grandes, mas em nome da clareza, vamos dessa maneira", comentou. Carlos Cereto, apresentador do programa, aproveitou a deixa para brincar: "Não venha mudar sua posição, não. Não venha pipocar não".

O jornalista ainda afirmou outros quatro clubes que se posicionam como uma quinta força, revezando entre eles: Grêmio, Internacional, Cruzeiro e Atlético-MG. Quem não gostou nem um pouco foi o Santos, que ficou de fora e resolveu se posicionar pelo Twitter.

A publicação exibe lista feita pela revista France Football, que apresenta os 30 maiores clubes do mundo e o time da Baixada Santista é o único brasileiro incluso. 

"O futebol não começou em 2013. Não adoramos balanços, nem competimos por maior EBITDA. Dinheiro vai e vem, cria ilusões, momentos efêmeros mas não constrói história nem tradição. Não vivemos nem nunca viveremos de mecenas, nunca disputamos série B, nem somos fruto de apoio da mídia", rebatem por meio das redes sociais. 

Confira abaixo os tuítes:

MAIS SOBRE:

futebolSantos Futebol Clube
Comentários