Denílson comenta sobre homofobia no futebol: 'Não tem mais espaço'

Assunto entrou em cena ao citarem a paralisação da partida entre São Paulo e Vasco durante o programa Jogo Aberto

Relacionadas

O ex-jogador e atual comentarista da Rede Bandeirantes, Denílson, abordou o assunto "homofobia no futebol" durante a transmissão do programa Jogo Aberto nesta segunda-feira. Segundo ele, o esporte não tem mais espaço para insultos homofóbicos.

O assunto entrou em cena ao citarem a paralisação da partida entre São Paulo e Vasco por insultos homofóbicos por parte da torcida carioca. Para Denílson, o árbitro Anderson Daronco agiu de forma correta ao não aceitar esse tipo de provocação durante o jogo.

"O Daronco foi muito bem. Não tem mais espaço para esse tipo de insulto e agressão verbal. Tem tanta forma de incentivar ou até provocar o time adversário... Não tem mais espaço para este tipo de provocação", disse o comentarista.

Ainda durante o programa, Denílson comentou sobre VAR, afirmando que o árbitro de vídeo está gerando comentários negativos e a expulsão do jogador Raniel, do São Paulo, foi injusta. "Achei injusta a expulsão. O Raniel nem vê o jogador do Vasco. O cartão amarelo estaria de bom tamanho. Não vi intenção nenhuma do Raniel em atingir o jogador do Vasco", argumenta.

Em campo, o Vasco saiu com a vitória. Jogando em São Januário, a equipe carioca derrotou o time comandado por Cuca por 2 a 0, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro

MAIS SOBRE:

futebolDenilsonhomofobia
Comentários