Dupla vai fantasiada de Eurico Miranda e urna sete para bloco de carnaval

Foliões brincam com processo eleitoral no cruzmaltino

Relacionadas

Carnaval sempre é ocasião para fantasias criativas, especialmente para os temas que estão em alta no momento. No Rio de Janeiro, um casal decidiu brincar com a situação eleitoral no Vasco e foi fantasiado do ex-presidente do clube, Eurico Miranda, e da urna sete, ponto central da discussão.

O processo eleitoral no Vasco teve mais reviravoltas que uma temporada de House of Cards. Na eleição entre os sócios, Eurico Miranda teria ganhado caso a urna sete, com os sócios mais recentes tivesse sido considerada. Porém, como ela contava com diversas irregularidades, como muitos inscritos nascidos no mesmo dia, ou que residiam no mesmo endereço, ou com o mesmo número de telefone, a justiça anulou os votos da urna. Sem estes, a contagem passou a ficar favorável a Julio Brant.

+ Torcida do Napoli diz que equipe deveria comprar juízes para ser campeã

+ Técnico do PSG diz que Neymar convidou colegas para seu aniversário

Ex-jogador do Liverpool critica o Barça: 'Coutinho não vale R$ 620 milhões'

Antes de sair, porém, Eurico teve alguns dias com a caneta na mão e vendeu muitos jogadores da equipe, sendo acusado de fazer negócios abaixo do que os ativos valiam.

A eleição no Vasco, porém, ocorre em duas etapas, sendo que os sócios apenas apontam quem desejam que seja o presidente, e a fase realmente decisiva é a votação entre os conselheiros. Na segunda votação, o vencedor não foi Julio Brant, mas Alexandre Campello, que era presidente do conselho deliberativo do clube. Apesar de se dizer oposição à administração, quando Campello foi anunciado como presidente, apoiadores do ex-presidente gritaram o nome de Eurico.

MAIS SOBRE:

futebolVascocarnaval
Comentários