Em amistoso, seleção do País Basco supera desfalques e bate a Costa Rica

Seleção basca não pôde contar com seus quatro principais atletas, que estavam servindo a Espanha pela Liga das Nações

Relacionadas

Anualmente, os melhores jogadores bascos são convocados para realizar um amistoso por sua seleção regional. No encontro realizado nesta segunda-feira, a adversária foi a Costa Rica, seleção que vem tendo bons desempenhos nas últimas Copas do Mundo e tem, em seu grupo, estrelas do futebol mundial, como o goleiro Keylor Navas, do PSG.

A seleção basca entrou em campo desfalcada, pois quatro de seus principais jogadores (Merino e Oyarzabal, da Real Sociedad; Íñigo Martínez e Unai Simón, do Athletic Bilbao) estavam defendendo as cores da Espanha nos duelos pela Liga das Nações. Mesmo assim, o País Basco acumulou mais uma vitória e ostenta a marca de quase nove anos invicto.

O duelo foi realizado na cidade de Eibar e terminou com vitória do País Basco por 2 a 1. Iker Muniaín abriu o placar para os bascos. A Costa Rica empatou, no segundo tempo, com Jonathan Moya. E o placar ganhou números finais com Unai Núñez, que marcou de cabeça e determinou a vitória do País Basco.

A seleção basca é comandada pelo técnico Javier Clemente, que já treinou a seleção espanhola e conquistou o campeonato espanhol por duas vezes pelo Athletic Bilbao. Foram convocados apenas jogadores de origem basca e que atuam nos times locais.

Na história, o País Basco soma 28 vitórias, cinco empates e seis derrotas contra seleções oficiais da Fifa. Banida durante a ditadura franquista, a seleção basca voltou a se reunir com mais frequência na década de 1990.

MAIS SOBRE:

futebolSeleção Costa-riquenha masculina de futebolAthletic de BilbaoReal Sociedad
Comentários