Em dois dias, três novos clubes limpam os vestiários de seus adversários

Cruzeiro, Cerro Porteño e Internacional deram continuidade à corrente de educação

Relacionadas

O bom exemplo está sendo seguido aqui no Brasil também: o Cruzeiro aderiu aos bons modos de deixar o vestiário do clube adversário em boas condições após usá-lo. A delegação do clube brasileiro limpou o local no estádio El Palácio, em Buenos Aires, Argentina, depois da vitória por 1 a 0 sobre o Huracán na Copa Libertadores.

"Deixamos aqui o nosso agradecimento ao nosso adversário de hoje, o Huracán, por toda hospitalidade, e recepção, que nos foi dispensada", escreveu o clube mineiro nas redes sociais ao compartilhar registros do local limpo e um bilhete dizendo "muito obrigada" escrito na lousa tática.

Nos últimos dias outros dois clubes também repetiram o gesto do Japão na Copa do Mundo, do Talleres ao eliminar o São Paulo, do Goiás ao visitar o Vila Nova e dos chilenos do Unión La Calera que estiveram no estádio da Chapecoense.

O Cerro Porteño venceu o Atlético-MG por 1 a 0 no Gigante da Pampulha e limpou o local utilizado, e o Internacional fez o mesmo ao ganhar pelo placar simples do Palestino no Estádio San Carlos de Apoquindo. 

MAIS SOBRE:

futebolLibertadores [Copa Libertadores da América]Cruzeiro Esporte ClubeHuracánCerro PorteñoUnión La CaleraAtlético MineiroInter [Sport Club Internacional]
Comentários