Everton apresenta garoto com câncer como seu novo mascote e vence City

Clube inglês fez doação de 200 mil libras para tratamento de Bradley Lowery, torcedor do Sunderland

Relacionadas

Torcedor do Sunderland, Bradley Lowery está sempre presente nos jogos do seu time de coração. Mas na rodada deste domingo, 15, o garoto de cinco anos entrou no gramado no colo de Lukaku, atacante e principal estrela do Everton. A presença do novo mascote parece ter motivado os jogadores do time de Liverpool, que venceu o Manchester City por 4 a 0. E para deixar a história completa, Lukaku foi o autor de um dos gols da partida. 

Vestindo a camisa do Sunderland, com a frase "Thank You Everton", Bradley bateu bola e fez um gol sob os aplausos da torcida. Um grupo de torcedores do Manchester City levou uma faixa com os dizeres "câncer não tem cor". E os escudos do City e do Sunderland também estavam estampados.

Antes de fazer o garoto seu mascote, o Everton já havia doado 200 mil libras para ajudar no tratamento de Bradley, que tem neuroblastoma, um tipo de câncer que afeta o sistema nervoso e normalmente ataca crianças. Ele foi diagnosticado com a doença em 2013 e, apesar dos esforços, a mãe do jovem torcedor disse que ele "vai perder a luta". 

 

MAIS SOBRE:

futebolEvertonCampeonato Inglês
Comentários