Federação Italiana propõe revisão com VAR quando as equipes pedirem

Ideia é seguir o que acontece, por exemplo, nos jogos de tênis

Relacionadas

A Federação Italiana de Futebol (FIGC) anunciou nesta quinta-feira que propôs à Fifa experimentar um sistema de VAR cujo uso poderia ser solicitado pelas equipes, seguindo o exemplo do que acontece nas partidas de tênis.

"A FIGC se tornou um porta-voz dos pedidos das últimas semanas de vários clubes da Serie A e informou informalmente a Fifa de sua disponibilidade para experimentar o uso" deste novo sistema, escreveu a Federação Italiana em seu comunicado.

A FIGC se mostrou aberta para realizar esses testes "dentro do prazo e de acordo com os procedimentos que a Ifab (o órgão que garante as leis desse esporte) deverá definir".

O campeonato italiano havia sido um precursor no uso da assistência de vídeo à arbitragem, com uma temporada de testes na Serie A, antes de o dispositivo ser aprovado pela Fifa e pela Ifab.

No mesmo comunicado, a FIGC acrescenta que pediu aos árbitros da Série A e seus dirigentes que "intensifiquem o apelo" à verificação dos lances na tela de controle (revisão em campo) "nos casos controversos que se enquadram no âmbito do protocolo internacional".

O VAR entrou em vigor na Série A na temporada 2017-2018. Geralmente tem sido bem aceito, embora tenham acontecido frequentes polêmicas sobre seu uso.

MAIS SOBRE:

futebol
Comentários